Archive for setembro \28\UTC 2010

h1

setembro 28, 2010

Não há como ser leal com o universo a nossa volta, se nos acharmos a coisa mais importante deste mundo. Hoje mesmo, irei contar isto pra primeira plantinha que encontrar…

Anúncios
h1

setembro 24, 2010

Não nos damos conta de que podemos largar qualquer coisa de nossas vidas em um estalar de dedos. Nossos antigos hábitos não significam nada, se quisermos deixá-los. Tornam-se besteiras com as quais não devemos perder tempo. Pois bem, estou deixando a minha história. Ela não me é mais necessária. Todos que me conhecem tem uma ideia a meu respeito e minha história precisa ser constantemente renovada. Sem história, não há explicações, zangas, desilusões e, acima de tudo, não há prisões. Resumindo: falar sobre o passado é uma bosta! Quero estar livre do estorvo de corresponder ao que o outro pensa sobre mim. Talvez nem eu mais saberei ao certo o que eu faço ou que eu sou, rsrs. Mas, como saber quem eu sou, se eu sou tudo isso…

Meu problema agora é que ainda sou real demais. Meus esforços são demasiadamente reais; meus estados de espírito também. Então, ou considero que tudo é certo e real e acabo por ficar mortalmente caceteado comigo mesmo  e com o mundo, explicando tudo a todo mundo e, ao mesmo tempo, mentindo para conservar o entusiasmo e a novidade daquilo que faço, me comportando como se soubesse de tudo, ou apago a minha história e fico sem saber de onde sairá o que procuro. E, ao contrário de aumentar minha sensação de insegurança, permaneço alerta, sempre atento, pois não sei quando nem em que situação encontrarei o que busco.

h1

Um passeio no deserto… em busca do Espírito que não tenho

setembro 23, 2010

Quer dar um passeio no deserto comigo?

h1

Olho mágico

setembro 11, 2010

Um olhar formidável, de maneira alguma
Atemorizante ou ameaçador,
Mas, que mesmo assim, me varava

Um olhar que me calou,
Me confundiu…
E que me fez voltar