h1

Iridescente

junho 19, 2009

brilhante

Um túnel, muito baixo e estreito
Duro e estranhamente frio
Tento me levantar mas dou com a cabeça no teto de metal
E o túnel contrai-se e me sufoca

Me arrasto até uma curva onde o túnel acaba
Exausto, com as roupas molhadas de um líquido frio e viscoso
Esqueço completamente até de mim mesmo

Estou rolando para frente e para trás
Procuro uma posição para descançar
Uma posição em que meu coração pare de bater tão forte

Então todas as recordações voltam de repente
Mergulho na água, a bebo
E a água corre em minhas veias me acendendo
Bebo mais, bebo até estar todo em fogo, todo aceso

Bebo até que a água comece a sair de meus poros
Como uma fibra sedosa
Envolvendo meu corpo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: